NOTA OFICIAL: Botafogo Futebol SA - Botafogo Futebol SA

Notícias do Botafogo Orgulho de Ribeirão

agosto 23 2019 0comment

NOTA OFICIAL: Botafogo Futebol SA

Agência Botafogo
imprensa@botafogofutebolsa.com.br

A Botafogo Futebol SA vem a público manifestar seu total repúdio e perplexidade com a conduta do Grupo Thathi no que se refere à reportagem intitulada “Os acordos da Botafogo Futebol SA”.

O citado veículo não só acaba de rasgar todos os manuais de jornalismo existentes, como teve o descaramento de admiti-lo no segundo parágrafo de seu texto. Um grupo de comunicação que se preze, sobretudo quando se encontra no rol dos mais importantes e relevantes do interior do estado mais rico do país, jamais poderia admitir a publicação de um conteúdo que reconhece optar “por contrariar a premissa jornalística de ouvir os envolvidos no caso”.

Importante ressaltar que, quando procurado pela reportagem, o clube manifestou estar a inteira disposição do veículo para esclarecer todos os fatos. Inclusive, colocou o presidente do Conselho de Administração do Botafogo Futebol S/A, Adalberto Baptista, à disposição para conceder uma entrevista exclusiva. Pelas perguntas enviadas, estava evidente que havia um claro erro na compreensão do episódio. Tal conduta nos leva a concluir que trazer a verdade não era o objetivo do grupo.

Desfaçatez de tal quilate configura-se em escárnio com a Botafogo Futebol SA, com o Botafogo FC, com todos os apaixonados tricolores e, sobretudo, com seus leitores. Que credibilidade pode ter uma reportagem que reconhece não cumprir requisitos da aula mais básica de qualquer faculdade de jornalismo?

A despeito do desplante cometido pelo Grupo Thathi e em consideração ao seu torcedor, a Botafogo SA publicará abaixo as respostas que o veículo desprezou, sob o insensato argumento de que o faria em “momento breve”.

É nosso dever alertar a todos os botafoguenses que desconfiem dos conteúdos produzidos por esse grupo de comunicação, dado a sua transparente despreocupação com o bom jornalismo e, principalmente, falta de compromisso com a verdade.

Por fim, reiteramos que o clube está aberto a todos os veículos de Ribeirão Preto para esclarecermos o assunto. Caso o Grupo Thathi mude de opinião e queira utilizar-se de um de seus diversos profissionais que prezam pela correção e pela informação precisa, este será recebido da mesma forma para tratar do tema em questão.

Abaixo a solicitação do “outro lado” do Grupo Thathi

1 – A Trexx e a SA confirmam o acordo? Qual o motivo da cessão gratuita dessas receitas?
Existe e confirmo a existência desse acordo de investimento, mas as bases são completamente diferentes das expostas. Pela projeção de receitas a serem auferidas no investimento realizado caberá ao Botafogo Futebol S.A. entre 85% das receitas e para a TREXX 15%. Não houve cessão gratuita. Para o Botafogo Futebol Clube é repassado mensalmente o valor fixo de R$ 120.000,00.

2 – Qual o valor dos contratos de locação envolvendo os bares Seo Tibério e Hard Rock? E qual o faturamento com bebidas e alimentos no Santa Cruz?
O valor dos contratos de locação é feito com base no faturamento, e representam no total 8% das receitas de ambos os restaurantes.

3 – Qual a razão do aporte de R$ 5 milhões que motivou a cessão?
Construir uma Arena Multiuso, hoje denominada Arena Eurobike, que fará com que o Botafogo Futebol S.A. mude de patamar em receitas e consiga competir em pé de igualdade com os grandes times do futebol brasileiro, além de garantirmos um aumento de conforto e bem estar ao torcedor botafoguense com o consequente aumento do público nos jogos.

4 – O Conselho do Botafogo foi informado desse negócio?
O conselho do Botafogo F.C foi convocado para reunião específica que tratou dessa cessão da superfície, aprovou, e delegou à Diretoria para formalizar a contratação. O Conselho de Administração do Botafogo Futebol S.A. também aprovou em reunião realizada com esse propósito, com a participação inclusive de 3 ex-presidentes do Botafogo Futebol Clube indicados para comporem o Conselho.

5 – Até o momento, a informação que circulava no Conselho do Botafogo é que todas as receitas da S/A seriam repartidas entre Botafogo FC e Trexx, na proporção de 60% / 40%. Qual a razão desse acordo, que prevê 100% de destinação dessas receitas para a Trexx, não ter sido divulgado?
Toda a pergunta esta baseada em fatos inverídicos conforme já exposto acima

6 – Quanto às obras da Arena Eurobike, qual o valor investido? E quanto foi pago pela Trexx?
Cerca de R$ 14 milhões. Pela Trexx foi pago aproximadamente R$ 9 milhões.

7 – O conselho do Botafogo Futebol Clube afirmou que não há nenhuma prestação de conta sobre os valores gastos com a reformada da Arena Eurobike. Qual a causa desses contratos não terem sido encaminhados para a S/A e para o BFC?
Toda prestação de contas, contratos, e etc foram devidamente apresentados nos ‘órgãos competentes da Botafogo Futebol S.A. com o encerramento das obras já se deliberou pela montagem de um “data room” onde todos os contratos e cotações de preços, entre outros documentos, ficarão à disposição não só da Diretoria e Conselheiros do BFC e BFSA, mas de toda a coletividade botafoguense inscrita no programa Botafanáticos.

8 – O Conselho do Botafogo FC informou que solicitou, há mais de 30 dias, cópias de todos os contratos envolvendo a parceria, mas não foi atendido. Há prazo para o envio da documentação?
Todos os contratos foram devidamente disponibilizados, tanto que alguns até cópia o jornalista que está formulando as perguntas declara possuir.