Notícias do Botafogo Orgulho de Ribeirão

março 14 2022 0comment

De virada, Botafogo vence o Novorizontino e decide classificação na última rodada

Agência Botafogo
imprensa@botafogofutebolsa.com.br

Com muita entrega e determinação, o Botafogo venceu o Novorizontino por 2 a 1, de virada, neste domingo (13), no Estádio Santa Cruz, pela 11ª rodada do Campeonato Paulista.

Os gols do Tricolor foram marcados por Bruno Michel, aos 37 minutos do primeiro tempo, e Matheus Carvalho, aos 24 minutos do segundo tempo. Antes, o Novorizontino abriu o placar com Danielzinho, aos 27 minutos da etapa inicial.

Com o resultado, o Pantera ocupa a terceira colocação do Grupo C, com 18 pontos –mesma pontuação do Ituano, segundo colocado, que leva vantagem no saldo de gols. O quarto colocado é o Mirassol, que soma 17 pontos. Com 26 pontos, o Palmeiras está na liderança. Os dois primeiros colocados avançam para as quartas de final.

Na última rodada, o Botafogo enfrenta o São Paulo, no domingo (20), às 16h, no Morumbi. Já o Ituano visita a Ponte Preta, ameaçada pelo rebaixamento, enquanto o Mirassol encara a Ferroviária.

O JOGO

O treinador Leandro Zago escalou força máxima diante do Novorizontino. Ele contou com o retorno do lateral esquerdo Jean Victor e também escalou Hélio Paraíba no setor ofensivo.

Com essa formação, o Botafogo criou a primeira chance. Aos 2 minutos, Hélio Paraíba dominou a bola no meio de campo e rolou para Marlon, que arrancou e bateu cruzado para fora.

Na sequência, o Novorizontino ameaçou. Douglas Baggio chutou da entrada da área, Deivity desviou, a bola pegou no travessão e saiu para escanteio.

Com as duas equipes procurando o ataque, o Tricolor teve outra boa oportunidade. Aos 22 minutos, Jean Victor cobrou falta na cabeça de Joseph, que acertou a trave. Na sobra, Bruno Michel escorou para o gol, mas a árbitra Edna Alves anulou o lance após ser avisada de impedimento do atacante pelo VAR.

Logo depois, o Novorizontino chegou duas vezes consecutivas. Na primeira, Douglas Baggio foi travado duas vezes por Joseph. Na outra, Danielzinho recebeu na marca do pênalti, após uma boa troca de passes, e fuzilou para abrir o placar.

O Pantera não se abateu com o gol tomado e partiu para cima do adversário. Aos 30 minutos, Emerson recuperou a jogada na intermediária e chutou para defesa de Giovanni. Sete minutos depois, Fillipe Soutto recuperou o lance no campo de ataque e cruzou para Bruno Michel, que bateu de primeira e deixou tudo igual: 1 a 1.

Antes de terminar a etapa inicial, o Botafogo quase virou. Após cruzamento para a área, Hélio Paraíba foi agarrado. Edna Alves foi avisada pelo VAR, revisou o lance e marcou pênalti. Bruno Michel, porém, acertou o travessão.

No segundo tempo, o treinador Leandro Zago voltou com Matheus Carvalho no lugar de Dudu. Aos 5 minutos, Bruno Michel cruzou para Matheus Carvalho, que cabeceou para fora. Três minutos depois, Bruno Michel evitou a saída da bola pela lateral, invadiu a área, driblou o zagueiro e fuzilou para boa defesa de Giovanni.

Melhor em campo, o Botafogo continuou pressionando. Após cobrança de escanteio, Joaquim desviou e a bola tocou na mão de Edson Silva. A árbitra Edna Alves foi chamada novamente pelo VAR e revisou o lance. Ela marcou o pênalti e expulsou o defensor rival. Matheus Carvalho teve que cobrar duas vezes para colocar o Tricolor na frente: 2 a 1.

O Pantera ainda quase ampliou com Bruno Michel, que carimbou a trave. Nos últimos minutos, o Novorizontino atacou, mas o sistema defensivo botafoguense segurou a vitória.

BOTAFOGO X NOVORIZONTINO
LOCAL: ESTÁDIO SANTA CRUZ/ARENA EUROBIKE
11ª RODADA 
COMPETIÇÃO: Campeonato Paulista
DATA: 13/03
HORÁRIO: 20h30 (de Brasília)
ÁRBITRO: Edna Alves Baptista
ASSISTENTES: Neusa Inês Back e Henrique Oliveira
VAR: Douglas Marques das Flores
CARTÕES AMARELOS: Joaquim (Botafogo); Lucas Mendes, Bruno Aguiar, Barba, Edson Silva e Danielzinho (Novorizontino)
CARTÕES VERMELHOS: Edson Silva (Novorizontino)
GOLS: Bruno Michel, aos 37 minutos do primeiro tempo (Botafogo); Danielzinho, aos 27 minutos do primeiro tempo (Novorizontino)
BOTAFOGO: Deivity; Joseph, Joaquim Henrique e Tárik; Marlon, Emerson, Fillipe Soutto e Jean Victor (Diego Guerra); Dudu (Matheus Carvalho), Hélio Paraíba (Tiago Reis) e Bruno Michel (Rafael Tavares). Treinador: Leandro Zago
NOVORIZONTINO: Giovanni; Lucas Mendes, Edson Silva, Bruno Aguiar e Reverson; Barba, Léo Baiano (Chrigor) e Douglas Baggio (Léo Tocantins); Cléo Silva (Welinton Torrão), Danielzinho e Rômulo (Guilherme Matos).  Treinador: Allan Aal