Botafogo perde da Chapecoense na Arena Condá - Botafogo Futebol SA

Notícias do Botafogo Orgulho de Ribeirão

outubro 07 2020 0comment

Botafogo perde da Chapecoense na Arena Condá

Agência Botafogo
imprensa@botafogofutebolsa.com.br

O Botafogo perdeu da Chapecoense por 1 a 0, nesta terça-feira (6), na Arena Condá, em Chapecó, pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O único gol do jogo foi marcado por Bruno Silva, aos 5 minutos do segundo tempo.

Com o resultado, o Tricolor ocupa agora a 15ª colocação com 14 pontos. Já a Chapecoense soma 25 e está na segunda posição.

O Pantera volta a campo agora no domingo (11), às 20h30, quando enfrenta o Sampaio Corrêa, no Estádio Castelão, em São Luís.

O JOGO

O Botafogo entrou em campo com apenas uma modificação em relação ao jogo anterior. Sem o lateral direito Val, suspenso, o treinador Claudinei Oliveira improvisou o prata da casa Edson Júnior no setor. Com essa formação, o Tricolor conseguiu equilibrar as ações diante do time vice-líder da competição.

A primeira grande oportunidade de gol surgiu da Chapecoense aos 27 minutos, quando Paulinho Mocelin recebeu pelo lado esquerdo e finalizou cruzado para excelente defesa de Darley. A bola ainda sobrou para Anselmo Ramon, que mandou por cima.

O Tricolor respondeu na sequência. Após boa jogada, Ronald rolou para Tanque que, da marca do pênalti, concluiu para fora. O Pantera ainda rondou a área adversária, mas errava o último passe e não conseguiu assustar João Ricardo.

Já a Chapecoense chegou em chutes de fora da área com Paulinho Mocelin e Aylon, que mandaram para fora. Aos 43, o time ameaçou com Anderson Leite, que recebeu praticamente na linha de fundo e exigiu boa defesa de Darley.

No segundo tempo, o time catarinense voltou melhor. Logo aos 3 minutos, Bruno Silva chutou de fora da área e Darley espalmou. No rebote, Aylon finalizou e o camisa 89 pegou outra vez. Dois minutos depois, Paulinho Mocelin cruzou para Anselmo Ramon, que exigiu excelente defesa do goleiro botafoguense. Na sobra, Bruno Silva mandou para o gol e abriu o placar.

A Chapecoense ainda teve outra chance com Paulinho Mocelin, que concluiu para fora.

Perdendo a partida, Claudinei Oliveira fez modificações. Ele colocou Ferreira, Bady, Judivan, Luketa e Elicarlos nos lugares de Naldo, Matheus Anjos, Wellington Tanque, Ronald e Edson Júnior.

O Tricolor passou a arriscar mais e deu trabalho para o goleiro João Carlos. Aos 27 minutos, Rafinha cobrou falta e o goleiro espalmou para escanteio. Na sequência, Edson Júnior e Judivan também arriscaram de fora da área e pararam em João Carlos. Nos acréscimos, Jordan ainda teve boa chance, mas mandou para fora.

FICHA TÉCNICA
CHAPECOENSE X BOTAFOGO
LOCAL:
Arena Condá, em Chapecó
DATA: 06 de outubro, terça-feira
HORÁRIO: 17h00 (de Brasília)
ÁRBITRO: André Rodrigo Rocha
ASSISTENTES: Fábio Pereira e Cipriano da Silva Sousa
CARTÕES AMARELOS: Rafinha e Róbson (Botafogo); Denner, Anderson Leite e Aylon (Chapecoense)
CARTÃO VERMELHO:
GOL:
Bruno Silva, aos 5 minutos do segundo tempo (Chapecoense)
CHAPECOENSE: João Ricardo; Ronei (Hiago), Joílson, Luiz Otávio e Alan Ruschel; Willian Oliveira, Anderson Leite e Denner (Bruno Silva) (Lucas Tocantins); Aylon (Foguinho), Anselmo Ramon e Paulinho Moccelin (Felipe Garcia). Treinador: Umberto Louzer
BOTAFOGO: Darley; Edson Júnior (Elicarlos), Róbson, Jordan e Gilson; Bolt, Naldo (Ferreira) e Matheus Anjos (Bady); Ronald (Luketa), Wellington Tanque (Judivan) e Rafinha. Treinador: Claudinei Oliveira.