Botafogo empata no Santão e agora disputará o Troféu do Interior - Botafogo Futebol SA

Notícias do Botafogo Orgulho de Ribeirão

maio 09 2021 0comment

Botafogo empata no Santão e agora disputará o Troféu do Interior

Agência Botafogo
imprensa@botafogofutebolsa.com.br

O Botafogo empatou com o Red Bull Bragantino por 1 a 1, neste domingo (9), no Estádio Santa Cruz, pela última rodada da primeira fase do Campeonato Paulista.

O gol botafoguense foi marcado pelo atacante Luketa, aos 48 minutos do segundo tempo. O adversário abriu o placar com Hurtado, aos 11 minutos da etapa inicial.

Com o resultado, o Tricolor encerrou a competição com 12 pontos e disputará agora o Troféu do Interior. A FPF (Federação Paulista de Futebol) deverá divulgar os horários e a data da partida nesta segunda-feira.

O JOGO

O Botafogo entrou em campo com três novidades em relação ao último jogo: o lateral direito Rodrigo, o volante John Everson e o lateral esquerdo Martineli, que atuou na segunda linha do meio de campo.

Porém, o Tricolor teve dificuldades no início da partida e viu o adversário abrir o placar. Aos 11 minutos, Hurtado recebeu, girou e bateu no canto de Igor Bohn para fazer 1 a 0.

O Pantera não se abateu. A equipe de Argel Fuchs equilibrou as ações e criou boas chances para empatar. Aos 16 minutos, Luketa enfiou para Renatinho, que entrava livre na área, mas o goleiro Júlio César saiu rápido e ficou com a bola. Três minutos depois, o camisa 11 cobrou falta pelo lado esquerdo, a bola desviou e acertou o travessão.

O Botafogo voltou a assustar o adversário aos 40 minutos, quando Luketa driblou Rafael Luiz e Realpe e, de dentro da área, chutou para defesa de Júlio César no canto.

No segundo jogo, o Tricolor retornou com o objetivo de buscar o empate e a virada no placar. Aos 24 minutos, Marlon cruzou da direita, a bola passou por Neto Pessôa e chegou em Rafael Marques, que bateu raspando a trave de Júlio César.

Cinco minutos depois, Luís Phelipe, do Red Bull Bragantino, cometeu falta e foi expulso. Com um jogador a mais, Argel tirou o volante John Everson e colocou o meia-atacante Arthur, de 17 anos, que fez sua estreia com a camisa botafoguense.

O Pantera pressionou o adversário e criou três boas chances para empatar. Aos 35 minutos, Rodrigo fez boa jogada pela direita e cruzou. A bola passou pela pequena área e ninguém completou. No minuto seguinte, Pará cruzou da esquerda e Victor Ramos cabeceou, mas sem força pela linha de fundo. Na sequência, Pará arriscou e Júlio César espalmou.

O Tricolor continuou insistindo e empatou nos acréscimos. A defesa adversária errou, Luketa avançou livre e tocou na saída do goleiro para deixar tudo igual: 1 a 1.

BOTAFOGO X RED BULL BRAGANTINO
LOCAL: Estádio Santa Cruz
DATA: 9 de maio, quinta-feira
HORÁRIO: 16h (de Brasília)
ÁRBITRO: Thiago Luís Scarascati
ASSISTENTES: Alex Alexandrino e Rafael Tadeu Alves de Souza
VAR: Daiane Caroline Muniz
GOLS: Hurtado, aos 11 minutos do primeiro tempo (Red Bull Bragantino); Luketa, aos 48 minutos do segundo tempo (Botafogo)
CARTÕES AMARELOS: Rodrigo, Arthur, Luketa, Victor Bolt e Victor Ramos (Botafogo); Natan e Luís Phelipe (Red Bull Bragantino)
CARTÃO VERMELHO: Luís Phelipe (Red Bull Bragantino)
BOTAFOGO: Igor; Rodrigo, Victor Ramos, Fabão e Pará; John Everson (Arthur), Victor Bolt (Matheus Santos) e Renatinho (Rafael Marques); Luketa, Neto Pessôa e Martineli (Marlon). Técnico: Argel Fuchs.
RED BULL BRAGANTINO: Júlio César; Rafael Luiz, Léo Realpe, Nathan e Weverson (Lucas Evangelista); Luan Cândido (Ryller), Cuello e Pedrinho (Weverton); Chrigor, Hurtado (Alerrandro) e Luis Phelipe. Técnico: Maurício Barbieri.